Feed RSS - Mania de Fotografar
MAR
04

Fotos de Orquídeas em Macro com Tubos de Extensão

Ontem, domingo de carnaval, aproveitei para ficar em casa descansando um pouco. Reparei que a orquídea estava com alguns botões abertos e aproveitei para fazer algumas fotos em macro usando um conjunto de Tubos de Extensão Kenko e a minha lente Nikon 28-300mm.

foto-orquidea-macro-tubos-1



Veja os Tubos de Extensão para Fotografia no site do nosso parceiro.


Na verdade, não considero a lente 28-300mm a mais adequada para fazer macrofotografia, mas infelizmente era a única que tinha à mão então aproveitei e fiz algumas imagens. O ideal mesmo, para mim, seria utilizar a Nikon 105mm, que é ideal para fotos macro, mas não estou com ela agora então usei as "ferramentas" disponíveis. O resultado foi bom.

Em fotos macro o ideal mesmo é usar um tripé, porque a profundidade de campo é extremamente limitada, as vezes menos de 1mm, por isso para poder focalizar corretamente o ideal mesmo é colocar a câmera fixa em um tripé. Além disso, a lente fica bem próxima ao objeto fotografado. Isso pode tirar um pouco de luz. Em fotos macro se trabalha com o diafragma bem fechado (para aumentar um pouco a profundidade de campo). Isso (diafragma fechado) somado à pouca luz faz que seja imprescindível usar um tripé.

foto-orquidea-macro-tubos-2


O Kenko, é um conjunto de 3 tubos de diferentes tamanhos. Você pode usar os tubos separados ou todos juntos. Se você usar os 3 ao mesmo tempo o efeito conseguido de macro será muito maior. Eu, por exemplo, fiz a foto de cima com os 3 tubos juntos, a imagem do meio com apenas dois e a última foto foi tirada com apenas o tubo menor. Como disse usei a lente 28-300mm e a câmera Nikon D800.

foto-orquidea-macro-tubos-3


Uma dica: existem tubos que são apenas tubos sem nenhuma conexão. Eles são bem mais baratos, mas não conseguem foco automático nem abertura de diafragma. Eu aconselho comprar os tubos chamados de Automáticos, que mantém a capacidade de foco automático e regulam a abertura de diafragma.

Você pode até usar o tubo mais simples, manual, mas vai fotografar com o diafragma da lente na posição de totalmente aberto. Isso reduz a profundidade de campo ao mínimo. Não esqueça que as lentes funcionam assim: quanto mais fechado o diafragma maior profundidade de campo (foco) você consegue. E em macrofotografia, onde a profundidade de campo é limitada, trabalhar com o diafragma em pelos menos f/16 é fundamental. Por isso, as vezes se esforçar (economicamente falando) um pouco mais, vale a pena. Você vai gastar menos da metade num tubo manual, mas certamente os resultados não vão ser os mesmos.

Bom, espero que a matéria tenha ajudado um pouco a desvendar mais alguns segredos da macrofotografia. Eu pedi ao meu fornecedor alguns anéis reversos de macro, que são bem mais baratos que os tubos. Assim que os anéis chegarem farei testes e colocarei aqui no Blog. Até!

Curta e compartilhe esta matéria no Facebook!

1 comentário »
Willian disse:
03/04/2014 16:49:21
Perfeito o artigo, sobretudo pra mim que sou um amante da macrofotografia. Parabéns pelo blog todo!! Virei fã!
Blog Mania de Fotografar disse:
17/05/2014 10:52:39
Olá, obrigado por participar do Blog! Se tiver nos mande dicas de artigos. Obrigado!
Gostou do post? Deixe seu comentário!
seu nome (obrigatório)
deixe seus comentários desta notícia!
Se você quer que a sua foto apareça junto com seu comentário, por favor utilize o serviço gratuito Gravatar e faça o comentário utilizando o mesmo email. Assim, a sua foto irá aparecer junto com seu comentário.

Por favor, deixe seu comentário seguindo algumas poucas regras simples:

1.- Não publique Spam

2.- Coloque seu email verdadeiro. Caso seja necessário lhe contactar para alguma dúvida, a única forma de fazé-lo será tendo seu email real.

3.- Não ofenda ninguém ou utilize palavras de baixo calão. Palavrões serão moderados automáticamente. Não faça comentários racistas ou preconceituosos. Seja educado.